NERES CHAGAS DA SILVA

NERES CHAGAS DA SILVA

Possui graduação em Licenciatura em Química pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP) - Campus Araraquara - Instituto de Química (IQ). Atualmente cursa Doutorado em Biotecnologia na UNESP campus Araraquara sob a orientação da docente Maria del Pilar Taboada Sotomayor da UNESP. Possuindo o título da pesquisa como: Desenvolvimento teórico de um polímero molecularmente impresso para o biomarcador PSA. Concluiu o Mestrado em Química na UNESP - Campus Araraquara - Instituto de Química com intercâmbio na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).
Atualmente trabalha com desenvolvimento de polímeros biomiméticos (polímeros molecularmente impressos MIP) para o biomarcador troponina T visando à construção de um imunossensor biomimético para o diagnóstico precoce do infarto agudo do miocárdio. Além disso, possui experiência na química computacional, com ênfase em métodos clássicos (Dinâmica Molecular) e métodos quânticos (Teoria do Funcional da Densidade). Atuou como aluna de iniciação científica no departamento de Química Analítica, com a docente Maria del Pilar Taboada Sotomayor como orientadora e o docente Gustavo Troiano Feliciano como co-orientador. Atuando na pesquisa: Desenvolvimento de sensores ópticos e eletroquímicos baseados em polímeros impressos com íons visando aplicação em química forense. Além disso, em suas atividades extracurriculares costuma efetuar palestras falando sobre química e também sobre questões sociais, especialmente, gênero, sexualidade e etnia. Neres é a primeira pessoa trans feminina a se formar no instituto de química da UNESP Araraquara