ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE QUÍMICA

CARTA ABERTA 

           A ABQ repudia o pronunciamento do Exmo. Sr. Ministro da Educação, Abraham Weintraub, de que “nas Universidades Federais ocorre o desenvolvimento de laboratórios de drogas sintéticas, metanfetamina". Esta não é, e nunca foi, o desenvolvimento da ciência Química nas Universidades Federais do Brasil.

           A contribuição da Química no Brasil é de fundamental importância para a geração de conhecimento do que ocorre na vida do país, essencial para que a ciência brasileira seja destaque no mundo. Os Departamentos de Química das Instituições Federais de Ensino Superior (IFES) são importantíssimos para o desenvolvimento científico e tecnológico contribuindo para o crescimento do país. A Química sempre esteve presente no bem estar da sociedade e do planeta, seja nas suas pesquisas ou na educação. É necessário que o Exmo. Sr. Ministro da Educação tenha conhecimento profundo a respeito dos Departamentos de Química das IFES e constate quanto a ciência Química contribui para tudo e para todos, fato reconhecido internacionalmente.

           A ABQ tem orgulho de ser a mais antiga entidade da área no Brasil e representar todos os seus associados, que se encontram inconformados pelas infelizes palavras do Exmo. Sr. Ministro, que mostra total desconhecimento do que sejam os Departamentos de Química das IFES.

           Caso o Exmo. Sr. Ministro tenha conhecimento, documentado com provas, de fato estarrecedor como o divulgado, deverá denunciar à Polícia Federal o caso para investigação e apuração. Tenha certeza de que a ABQ lhe dará todo apoio e nunca se oporá a denunciar o que estiver errado! 

Rio de Janeiro, 22 de novembro de 2019

Silvana Carvalho de Souza Calado
Presidente da ABQ